No ‘Veja Saúde’ dessa semana, a repórter Natalia Cuminale lista algumas razões de como a água pode ajudar na luta contra a balança. Quando o estômago sente que está cheio, ele manda sinais para o cérebro, dando a entender que ele não precisa de mais alimento. Assim, tomar água antes das refeições faz com que o sentimento de saciedade seja mais fácil de atingir, não precisando de tanta comida.

Além disso, a água tem o potencial de ajudar na queima de calorias. De acordo com pesquisas, indivíduos que bebem água regularmente queimam até 3% mais calorias que o habitual 90 minutos depois do almoço.

A água também tem um papel importante de ajudar os rins a filtrarem toxinas, diminuindo o inchaço do dia-a-dia e aumentando a capacidade do corpo de reter nutrientes essenciais. Quando o corpo está desidratado, ele não consegue filtrar os resíduos corporais, causando problemas como constipação.

O hábito de beber água regularmente diminui a vontade de bebidas calóricas, como refrigerantes, chás e sucos. Um estudo feito em 2015 comparou dois grupos de mulheres: aquelas que bebiam água habitualmente e as que escolhiam uma bebida diet. A pesquisa acabou por comprovar que o time que bebia água acabou perdendo 14% mais peso que as colegas diet.

Para quem faz atividades físicas regularmente, o hábito de tomar água é essencial. Ela ajuda os órgãos, músculos e tecidos a trabalharem melhor, além de turbinar o desempenho do esportista.

De acordo com o Ministério da Saúde, a quantidade média de água necessária por dia depende do indivíduo, da sua idade, peso, clima e frequência de atividade física. Para a maioria das pessoas, são recomendados dois litros de água por dia. Já para esportistas, o número sobe para quatro.

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui